06 de maio de 2022

by Luiz Henrique Mendes – Porto Alegre

Enquanto fundos de venture capital globais ensaiam desacelerar investimentos em meio ao sell-off que atinge as ações de tecnologia, há quem veja na postura comedida dos estrangeiros uma janela de oportunidade para obter bons retornos no Brasil.

Com um fundo de US$ 105 milhões que só alocou 25% dos recursos, a Volpe Capital quer se apropriar desses retornos. “A nossa visão é que agora é um dos melhores momentos para investir porque o interesse estrangeiro diminuiu um pouco com tudo o que está acontecendo'”, disse André Maciel, o ex-Softbank que criou a gestora de venture capital.

Durante um painel no South Summit, evento de inovação que acontece em Porto Alegre, Maciel disse hoje que a indústria de venture capital deve passar por uma fase de “digestão” após o intenso fluxo de investimentos dos últimos dois anos.

Nesse processo, o ritmo de aportes tende a desacelerar, o que abre oportunidades a valuations mais atrativos para as firmas que estão dispostas a investir.  Além disso, há uma correção dos excessos dos últimos anos que criará um ambiente mais saudável para as startups, indicou Maciel.

Read de full article here.